quarta-feira, 8 de outubro de 2008

Ana Azeda!

Minha grande e maravilhosa amiga Patty me apresentou essa música.

Não sei por que quando ela ouviu lembrou de mim e me ligou correndo...vai entender.

Bem pode até parecer um pouco autoprotetor ou piegas, mas adorei essa música, me diverti muito ouvindo cada frase e me inspirei para fazer esse simples vídeo...tá que a Patty colaborou:

"Ouvi a música lembrei de você e pensei, bem que você podia
um dia fazer um videozinho com ela..."

Poís é amiga, segui seu conselho e o vídeo esta aí!

Espero que gostem!
video

8 comentários:

Márcio disse...

Concordo com a Paty e com a música. Doce e azeda essa menina. Mas é doce a maior parte do tempo, sorte, rs...pelo menos comigo, rs, ou por enquanto, hahaha...

beijo

Márcio

Fourier disse...

Que beleza hein Ana?

Olha se é doce ou azeda eu não, pq nunca provei. hahahaha

Mas tenho que certeza que é uma pessoa muito especial. (Márcio sem ciúmes, ok?) hehehe.

Muito bom o vídeo, música e fotos.

Valeu Paty! hehehe

Mandou bem brother!!!

Besos

Patricia disse...

Você q é uma grande e maravilhosa amiga!!!! O vídeo ficou show!!!!!!!! De vez enquando ESTAMOS azedas né ... coisas de mulher Márcio ... fazer oq ?? .... Beijão pra vcs...Bjo Fourier !!!!

Silvio Tambara disse...

"A Ana não existe"

Aninha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Aninha disse...

Existir ou não existir depende apenas do modo que vemos o mundo.

Ás vezes pode-se existir sub-existindo ou sub-existir existindo...até hoje não consegui descobrir em qual dos dois me enquadro.

Mas se você esta dizendo que a Ana não existe...bem...acredito em você né!!!

Deu pra entender alguma coisa?!?!?

Patricia disse...

Sem falar q essa musiquinha é bem boa de se ouvir !!!
Amiga, cadê vc hein ...

Silvio Tambara disse...

hein??????? obviamente não deu pra entender nada. papo de loira é fogo. "existirmos a que será que se destina?"